Qualificação de Gestão em Saúde Bucal

Prof. Samuel Moyses defende
integração do ensino e serviço
de saúde na 51ª Reunião Abeno

O prof. Samuel Moyses destacou a relevância da 51ª Reunião da Abeno para a efetiva integração entre ensino e serviço de saúde. Para ele, este enfoque é fundamental e prioritário para a entidade. “A formação de recursos humanos requer um claro entendimento das demandas de saúde e temos que evidenciar a magnitude da saúde bucal no cuidado em saúde” afirmou. Ele enfatiza que formar para a sociedade diz respeito a formar para o sistema de saúde e evidencia a necessidade de formação de indivíduos éticos, comprometidos e responsáveis para atuar em todos os espaços, públicos e privados.

Ele exemplifica que há regiões no Brasil em que o SUS atende 90% da população, portanto não há como ignorar respostas positivas às necessidades demográficas, sanitárias e culturais existentes e que são exigidos trabalhos conjuntos da equipe de saúde bucal. Outro ponto destacado pelo prof. Moyses é que no Brasil, o SUS é o grande empregador.

Ele descreveu também a importante trajetória que o Paraná tem desenvolvido na atenção à saúde bucal. Neste contexto, destacou o papel significante desenvolvido pelo prof. Léo Kriger, o qual é um entusiasta da causa da saúde, renomado formador de recursos humanos, agregador de pessoas, trabalhador digno e competente, virtudes estas que demarcam toda a sua caminhada. Também ressaltou a figura do dr. Guilherme Graziani, atual coordenador de Saúde Bucal do Paraná, que, “com sua juventude, dinamismo e competência, segue o bom legado deixado pelo prof. Léo Kriger”.